» Sexo e ansiedadeMariana Maldonado

Sexo e ansiedade

by mariana maldonado em 9 de novembro de 2009 | 15:56

Acredito que a maioria de vocês já ouviu falar ou mesmo percebeu que a ansiedade pode ser uma grande inimiga em momentos importantes da vida. Aquela prova que você tinha que fazer, mas não conseguiu passar porque “deu branco” na hora de responder, o emprego que você perdeu porque ficou tão nervosa ao ser entrevistada que não conseguia nem falar de tanto tremer, aquele que sempre sonhou em ir para a cama com você e na hora H não consegue a ereção ou goza muito rápido, o homem que você tanto ama e deseja, mas não consegue transar porque sente muita dor. Essas situações parecem familiares?

Sem dúvida, para muita gente é isso o que acontece. Se a ansiedade pode atrapalhar na hora do sexo? Ah… Como pode!

Ter a nossa válvula de escape das tensões e do estresse do dia a dia é fundamental para não trazer ansiedade para a cama

Sexo e ansiedade são duas coisas que definitivamente não combinam. Mas antes de entrar nessa questão específica, pense comigo: como você fica quando faz coisas simples, corriqueiras, que relaxam? Tipo uma atividade física, um passeio com a família, ver televisão ou sair com os amigos? Você fica muito ansiosa ou consegue curtir e relaxar?

Esse é um detalhe importante. Ter um determinado grau de ansiedade em algumas situações é mais do que normal, mas aquelas pessoas ansiosas ao extremo, que não conseguem relaxar nem nos momentos mais íntimos, podem ter dificuldades em outras áreas da vida. E olha que eu não estou nem falando de sexo ainda. Falo daqueles momentos só nossos, pra cuidar da gente sabe? Ir ao salão cuidar da unhas, do cabelo, do corpo. Ler um livro, meditar, ir à academia, ao shopping para comprar alguma coisa que se gostou, passear no parque, na praia, caminhar, tomar uma água de coco, sair com os amigos. Ou qualquer outra coisa que faça bem para o corpo e para a mente e ajude a “desligar o botão” dos problemas e do mundo lá fora, nem que seja por alguns minutos.

Se vocês soubessem o quanto isso é importante. Ter a nossa válvula de escape das tensões e do estresse do dia a dia é fundamental para não trazer toda essa ansiedade para a cama. Ela é uma causa importante de problemas sexuais como a ejaculação precoce e dificuldades de ereção nos homens, assim como as dores na hora da penetração e dificuldades de alcançar o orgasmo nas mulheres. Se esse é um momento para se curtir, relaxar e se entregar aos prazeres das descobertas a dois, como conseguir alcançar o orgasmo se você só consegue pensar nas coisas que terá que fazer no dia seguinte, no filho que está quase reprovado na escola ou na reforma da casa que fará depois que chegar o 13° salário? Assim vai ficar difícil!
Se você se identificou com tudo isso que escrevi, está na hora de se mexer e procurar ajuda. Nada de medo, vergonha ou preconceito. A ansiedade extrema é uma doença e como tal, deverá ser diagnosticada e corretamente tratada para alcançar a cura. Pode acreditar, porque ela virá. É só dar o primeiro passo.

Leia também:

- Sexualidade nas fases da vida – Sexo e sexualidade não são sinônimos. Entenda.

- Exercício físico X estresse - O exercício físico é um importante aliado na luta contra o estresse.

- Questões de mulher – Cinco perguntas – e respostas – sobre a saúde feminina.



Últimos comentários (24)

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

perfil

Mariana Maldonado é ginecologista e obstetra, especialista em Sexologia e Homeopatia. Para entrar em contato com Mariana Maldonado escreva para dra.mariana@marianamaldonado.com.br